Teses, Dissertações e Monografias

Acesse a listagem abaixo para conhecer algumas das teses, dissertações e monografias desenvolvidas pelos alunos de pós-graduação do Departamento de Engenharia de Construção Civil da Escola Politécnica.

A consulta também pode ser feita na biblioteca de Engenharia Civil pelos telefones (11) 3091-5204 e 3091-9023, fax (11) 3091-5125 ou pelo e-mail biblioteca.civil@poli.usp.br.

Para saber o horário e o local das próximas qualificações e defesas, acesse o site Programa de Pós-Graduação em Engenharia Civil – PPGEC. e do ConstruINOVA - Mestrado Profissional em Inovação na Construção Civil.

Para conhecer as diretrizes de elaboração de teses e dissertações clique no link ou acesse o site da Biblioteca Digital.

Importante: a consulta aos arquivos das teses e dissertações fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:

Este trabalho é para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar o nome da pessoa autora do trabalho.

Buscar teses, dissertações e monografias
  • Caracteristicas e desempenho de juntas de argamassa na alvenaria estrutural de blocos de concreto PDF
    • Aluno: Marcelo Giovanni Palacios Solorzano
    • Orientador: Fernando Henrique Sabbatini
    • Categoria: Mestrado
    • Ano: 1994

    No trabalho definiu-se e avaliou-se os requisitos de desempenho da junta de argamassa para alvenaria estrutural de blocos de concreto considerados mais importantes. As caracteristicas das argamassas que estao relacionadas com estes requisitos foram analisadas em um trabalho experimental. Neste, o comportamento do conjunto bloco-junta de argamassa foi avaliado variando-se as dosagens das argamassas, as faixas de absorcao inicial de agua e as tecnicas de assentamento da alvenaria. Os principais requisitos avaliados foram a resistencia a compressao de paredinhas e a resistencia de aderencia a tracao na flexao de prismas de alvenaria. Por infericao estatistica, nao foram obtidas correlacoes aceitaveis dos requisitos definidos para as juntas de argamassa e as caracteristicas das argamassas utilizadas. Obtiveram-se, no entanto, tendencias de comportamento claras entre aqueles requisitos e estas caracteristicas. Alem disto comprovou-se que as caracteristicas da argamassa tem uma importancia muito maior na resistencia de aderencia bloco-argamassa do que na resistencia a compressao da alvenaria. Foi possivel a definicao de faixas de resistencia de aderencia que permitiram uma analise previa do desempenho futuro da alvenaria, conseguindo-se com isto uma razoavel parametrizacao das caracteristicas das argamassas a serem utilizadas no assentamento.

  • Efeito do agregado graúdo em algumas propriedades do concreto de alta resistência com microssílica PDF
    • Aluno: Paulo Martins Pereira Neto
    • Orientador: Joao Gaspar Djanikian
    • Categoria: Mestrado
    • Ano: 1994

    No presente estudo, cinco diferentes tipos de rochas britadas foram usadas, com a mesma matriz de cimento Portland e com a mesma relação água/materiais cimentícios de 0,28, para mostrar a influência dos agregados graúdos em algumas propriedades de concretos de alta resistência. As rochas foram estudadas do ponto de vista petrográfico e da mecânica das rochas. Os concretos foram ensaiados aos 14, 28 e 56 dias a compressão axial e a tração por compressão diametral, sendo verificados as propriedades elásticas. As rochas e concretos foram ensaiados em testes de carga-descarga a compressão axial para verificação das deformações plásticas envolvidas.

  • Verificacao e avaliacao da reatividade pozolanica da cinza de lodo de esgoto da cidade de londrina PDF
    • Aluno: Gilson Morales
    • Orientador: Francisco de Assis Souza Dantas
    • Categoria: Doutorado
    • Ano: 1994

    Trata da verificacao da reatividade pozolanica das cinzas de lodo de esgoto calcinado, as quais foram analisadas segundo o metodo chapelle modificado. Dentre os metodos quimicos propostos para estimar a reatividade dos materiais pozolanicos, este e particularmente interessante por seu principio e sua rapidez de resposta. Ele permite a caracterizacao de uma pozolana pela taxa de reacao da cal com a pozolana ao longo de um tempo de contato padronizado, geralmente 16 horas, sendo a reacao acelerada por elevacao de temperatura (100'GRAUS'c). O lodo utilizado nestes ensaios foi seco ao ar e em seguida queimado a temperatura media de 750'GRAUS'c em atmosfera oxidante. Em seguida as cinzas foram moidas a uma superficie de 800'METROS QUADRADOS'/kg aproximadamente. Paralelamente, uma serie de corpos de prova de argamassas de cimento portland sem adicoes e com a adicao de tres porcentagens diferentes de cinzas, ou sejam, 15%, 25% e 35% em substituicao ao peso do cimento, foi preparada a fim de se avaliar a influencia exercida pela adicao de cinzas ao cimento, comparando-se os valores obtidos com aqueles do cimento sem adicoes. Os resultados experimentais demonstram que as cinzas de lodo de esgoto apresentam uma otima reatividade com a cal, bem como as vantagens de um material pozolanico, donde se pode concluir que se trata de uma excelente pozolana.

  • Qualidade do projeto na construção de edifícios PDF
    • Aluno: Sílvio Burrattino Melhado
    • Orientador: Vahan Agopyan
    • Categoria: Doutorado
    • Ano: 1994

    O trabalho propõe diretrizes e métodos que contribuem para a qualidade do projeto de edifícios, orientados tecnologicamente e baseados em princípios de racionalização e construtibilidade, dando suporte a uma nova organização do projeto para implantação em programas de qualidade total de empresas construtoras. Os principais conceitos da qualidade são discutidos e as relações projeto-processo de produção são analisadas sob os prismas históricos e contemporâneo, levando a revisão das funções do projeto no empreendimento em um enfoque global. Os conceitos de desenvolvimento tecnológico, racionalização e construtibilidade são apresentados e analisados, explicitando como eles alteram o processo de projeto e aumentam a eficiência da produção. Duas experiências inovadoras de projeto são descritas: o trabalho realizado por um escritório piloto da universidade, envolvendo o uso de protótipos; e uma pesquisa sobre coordenação de projetos, em convênio com empresas de incorporação e construção. A metodologia proposta resulta das diretrizes da qualidade, racionalização e construtibilidade, sugerindo mudanças nos esquemas tradicionais de arranjo de equipe, desenvolvimento e coordenação de projeto para obter a garantia da qualidade do processo. Conclui-se com o exame das dificuldades de implantar a proposta dentro de programas da qualidade total nas empresas de incorporação e construção.

  • Resistencia de aderencia ao cisalhamento da alvenaria estrutural nao armada de blocos ceramicos PDF
    • Aluno: Mario Collantes Candia
    • Orientador: Luiz Sergio Franco
    • Categoria: Mestrado
    • Ano: 1994

    Neste trabalho de carater teorico-experimental, e estudada a resistencia de aderencia ao cisalhamento da alvenaria estrutural ceramica nao armada, visando obter conhecimentos e valores para no futuro proximo se estabelecer uma normalizacao que permita determinar a resistencia de aderencia ao cisalhamento da alvenaria, utilizando materiais e mao-de-obra proprias do brasil. Os materiais empregados nesta pesquisa foram blocos ceramicos estruturais provenientes de uma unica fabrica e tres dosagens de argamassa especificadas pelas normas astm c-270 e bs 5628. A avaliacao da resistencia de aderencia ao cisalhamento foi feita atraves dos ensaios de compressao diagonal e cisalhamento direto. O primeiro metodo foi baseado na norma americana astm e-519-93, enquanto o segundo baseou-se em estudos realizados por outros pesquisadores. Alem de se obter valores da resistencia de aderencia ao cisalhamento, foram obtidos tambem valores de modulos de deformacao transversal. No ensaio de compressao diagonal utilizaram-se tres tipos de paredinhas de dimensoes 1200 x 1200 mm, 750 x 800 mm, 600 x 600 mm. O ensaio de cisalhamento direto foi feito utilizando corpos de prova tipo tripletas (prismas moldados com tres blocos).


Anterior Próximo