Teses, Dissertações e Monografias

Acesse a listagem abaixo para conhecer algumas das teses, dissertações e monografias desenvolvidas pelos alunos de pós-graduação do Departamento de Engenharia de Construção Civil da Escola Politécnica.

A consulta também pode ser feita na biblioteca de Engenharia Civil pelos telefones (11) 3091-5204 e 3091-9023, fax (11) 3091-5125 ou pelo e-mail biblioteca.civil@poli.usp.br.

Para saber o horário e o local das próximas qualificações e defesas, acesse o site Programa de Pós-Graduação em Engenharia Civil – PPGEC. e do ConstruINOVA - Mestrado Profissional em Inovação na Construção Civil.

Para conhecer as diretrizes de elaboração de teses e dissertações clique no link ou acesse o site da Biblioteca Digital.

Importante: a consulta aos arquivos das teses e dissertações fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:

Este trabalho é para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar o nome da pessoa autora do trabalho.

Buscar teses, dissertações e monografias
  • Contrapisos de argamassa de cimento Portland e polímeros como camada promotora da estanqueidade de pisos de edifícios PDF
    • Aluno: Eduardo Henrique Pinheiro de Godoy
    • Orientador: Mércia Maria Semensato Bottura de Barros
    • Categoria: Mestrado
    • Ano: 2000

    Novas tecnologias construtivas para promover a estanqueidade dos pisos do pavimento tipo de edifícios estão disponíveis no mercado. A execução do contrapiso com uma argamassa de cimento Portland e areia na qual são adicionados polímeros durante amistura é uma dessas tecnologias e vem sendo amplamente utilizada pelas empresas de construção de edifícios. A argamassa é aplicada sobre o substrato, normalmente uma laje estrutural, em áreas molháveis como banheiros e sacadas, tanto com asfunções do contrapiso tradicional quanto de camada promotora de estanqueidade. No entanto, o meio técnico, no Brasil, ainda não domina a tecnologia de produção do contrapiso com essa argamassa. Em conseqüência deste fato, o método de execução éempírico, ora originando um aumento dos custos e do desperdício, ora apresentando um deficiente desempenho. Frente a essa realidade, esta pesquisa avalia o desempenho das argamassas modificadas com polímeros e dos contrapisos que as utilizam,realizando-se estudos com diferentes relações técnicas de preparação da base, sendo que os polímeros utilizados são o acrílico, o estireno - butadieno (SBR) e o poli(acetato de vinila) (PVAc)

  • Água do poro de pastas de cimentos de escória PDF
    • Aluno: Cláudia Terezinha de Andrade Oliveira
    • Orientador: Vahan Agopyan
    • Categoria: Doutorado
    • Ano: 2000

    O principal objetivo desta tese foi o estudo do efeito dos ativadores e da temperatura de cura no pH e na composição química da água do poro de pastas endurecidas de cimentos de escória ativada. Os ativadores empregados foram: silicato de sódio,cal hidratada, cal hidratada + gipsita e cimento Portland CPV. A cura foi feita em temperatura ambiental (23'MAIS OU MENOS 2'GRAUS'C) e em temperatura elevada, a 60'GRAUS'C ou 80'GRAUS'C dependendo do tipo de ativador. Os ensaios foramrealizados 28 dias após a moldagem. A microestrutura da pasta endurecida dos cimentos de escória de alto-forno também foi estudada. A água do poro foi obtida por dois métodos: o método tradicional da extração sob pressão e o método alternativoadaptado para esta pesquisa, denominado água de equilíbrio. O estudo demonstrou que na água do poro das pastas de cimento de escória as principais espécies químicas dissolvidas são hidroxila, sódio, potássio e cálcio e, em menor concentração,silício, alumínio e espécies contendo enxofre tais como sulfato, sulfeto, tiossulfato e sulfito. A alcalinidade da água do poro, expressa pelo pH, foi determinada por titulação usando como indicador a fenolftaleina. O pH da água extraída sobpressão variou entre 11,9 e 13,5. Para a água de equilíbrio o pH variou entre 11,5 e 13,1. O pH da água do poro da pasta de cimento Portland, medido nas mesmas condições, foi de 12,7. As concentrações variaram de acordo com o tipo e teor||doativador, sendo os íons alcalinos os que mais influenciaram o pH das soluções, com exceção da escória ativada com cal hidratada e gipsita, cujo pH da água do poro foi influenciado principalmente pela concentração de cálcio. A temperatura de curanão influenciou significativamente o pH e a composição das soluções. A partir das medidas feitas por intrusão de mercúrio, observou-se que o volume de vazios das pastas está concentrado na faixa de poros de diâmetro entre 10 nm e 100 nm, com ) exceção da pasta de escória ativada com elevada concentração de silicato de sódio (5%'Na IND.2'O+7,5%Si'O IND.2'), que apresenta poros com diâmetro abaixo de 10 nm e grande volume de vazios interlamelares (diâmetro<4 nm), o que estáde acordo com a maior quantidade de C-S-H detectada por difração de raios X. O principal produto de hidratação dos cimentos de escória é o C-S-H, destacando-se também a etringita no caso da ativação sulfato cálcica. A hidrogranada e as fases AFmtambém foram detectadas como produtos de hidratação para todas as pastas

  • Indicadores de salubridade ambiental em favelas urbanizadas PDF
    • Aluno: Marco Antonio Plácido de Almeida
    • Orientador: Alex Kenya Abiko
    • Categoria: Doutorado
    • Ano: 2000

    As favelas existentes nos principais centros urbanos brasileiros apresentam grandes variações nos aspectos relacionados a sua localização espacial, às necessidades de infra-estrutura e serviços urbanos e à qualidade de vida de seus moradores.Essa variedade de questões envolvidas, tanto pela sua complexidade quanto pela multidisciplinaridade, dificulta a definição das ações a serem tomadas pelo Poder Público com vistas a garantir níveis adequados de salubridade ambiental nas favelase, conseqüentemente, melhores condições de vida a essa população. Observa-se que mesmo favelas consideradas urbanizadas pelo Poder Público, dependendo da intensidade da intervenção realizada, não apresentam as condições desejadas de salubridadeambiental. Cabe ressaltar que os trabalhos de urbanização não garantem por si só a completa mitigação da degradação ambiental existente nesses assentamentos habitacionais, tornando necessário assegurar também a adequada prestação dos serviçospúblicos. Este trabalho propõe um método para verificar se a urbanização de uma favela promove sua recuperação urbanística ambiental, de forma a adequá-la a padrões de salubridade que viabilizem sua permanência no local, sem comprometer o meioambiente e a saúde da população moradora na favela. O método é baseado no uso de indicadores sanitários, de saúde pública, urbanísticos e sócio-econômicos. A aplicabilidade do método é demonstrada pelo estudo de caso realizado na favela||JardimFloresta, urbanizada através do Programa de Saneamento Ambiental da Bacia Guarapiranga (PSABG), resultando em recomendações e propostas, tanto para o aperfeiçoamento do método quanto para a consolidação da intervenção

  • Metodologias baseadas na Teoria dos Sistemas Nebulosos (Fuzzy Systems Theory) no tratamento das informações subjetivas do projeto arquitetônico PDF
    • Aluno: Ana Lúcia Nogueira de Camargo Harris
    • Orientador: Cheng Liang Yee
    • Categoria: Doutorado
    • Ano: 2000

    Embora a qualidade nos projetos arquitetônicos esteja diretamente ligada a qualidade proporcionada pelo conforto do ambiente, o que se nota é uma escassez na aplicação do vasto conhecimento da área de Conforto Ambiental na prática do processo doprojeto. Dois motivos colaboram muito com este quadro: a pouca informação disponível nas fases de concepção do projeto e a subjetividade dos conceitos que envolvem a área de Conforto Ambiental. A partir de um levantamento bibliográficoconstatou-se que nas análises de conforto ambiental as informações subjetivas são basicamente tratadas de modo determinístico. Consequentemente parte desta subjetividade, necessária para a análise, acaba sendo perdida. Sendo assim, o objetivodesta pesquisa foi investigar a aplicabilidade da Teoria dos Sistemas Nebulosos (Fuzzy Systems Theory) nas questões relacionadas ao conforto ambiental no processo do projeto arquitetônico visando contribuir com perspectivas para a geração deferramentas mais adequadas no auxílio ao projetista e à abordagem dos problemas de conforto ambiental, uma vez que esta teoria é apropriada ao tratamento de informações subjetivas. Com esta finalidade foram desenvolvidas metodologias distintasabordando alguns aspectos da aplicação da Teoria dos Sistemas Nebulosos (TSN). Numa primeira abordagem investigativa utilizou-se uma ferramenta já consagrada da TSN, a Lógica Nebulosa, na análise dos resultados de uma pesquisa de AvaliaçãoPós-Ocupação. Posteriormente||desenvolveu-se uma metodologia própria com base na TSN para resolver problemas de projeto com características subjetivas, a avaliação de espaços arquitetônicos internos. Da necessidade de um aprofundamento sobre amodelagem das informações nebulosas foram discutidas propostas de procedimentos. Finalmente a TSN foi utilizada para flexibilizar uma metodologia determinística já consagrada para a análise climática. Com estas aplicações sob diferentesenfoques, ) a TSN apresentou-se como uma opção importante e apropriada para desenvolvimento de metodologias para o auxílio ao projetista, principalmente na fase de concepção e para a análise de problemas relacionados ao conforto no projetoarquitetônico

  • Avaliação de áreas urbanas através dos usuários PDF
    • Aluno: Mauricio Monteiro Vieira
    • Orientador: Witold Zmitrowicz
    • Categoria: Mestrado
    • Ano: 1999

    A presente dissertação tem como principal objetivo a aplicação de proposta de método de avaliação de áreas urbanas, caracterizada pela relevância à compreensão da percepção dos grupos envolvidos, sobretudo o grupo dos usuários, visando contribuir para a discussão e o desenvolvimento de alternativas aos processos de planejamento urbano. A proposta de método foi constituída a partir da apropriação e adequação de métodos e técnicas largamente utilizados nas áreas de percepção ambiental e de avaliação pós-ocupação, dos quais destacam-se os mapas cognitivos, as entrevistas e os questionários. A aplicação da proposta de método ocorreu através de estudo de caso na área urbana central do Município de Guaratinguetá e envolveu, em uma primeira etapa, a coleta de dados e o reconhecimento da área. Envolveu também a análise integrada dos resultados da avaliação por parte do grupo técnico-político (obtidos por meio de entrevistas e mapas cognitivos) com os dados da avaliação por parte do grupo de usuários (realizada através da aplicação de questionários junto a uma amostra de 400 residentes da área). O estudo de caso possibilitou a análise empírica das interfaces e dos conflitos entre as visões dos técnicos/políticos (especialistas) e dos usuários comuns sobre os mesmos aspectos estruturais e funcionais acerca da área de estudo, permitindo inferir a pertinência e a importância da aplicação deste tipo de método como contribuição aos processos de planejamento urbano sensíveis à||participação da comunidade


Anterior Próximo
    1. . .  91    92    93    94    95    96    97    98    99    100  . . . 157